Uma solução engenhosa

O dom de saber apreciar a capacidade, onde quer que ela esteja, é algo difícil de se encontrar. Muitas vezes procuramos soluções mirabolantes para solucionar problemas de fácil solução: é o famoso tiro de canhão para matar pernilongo. Vou dar um exemplo do qual tomei conhecimento há pouco.

Havia uma multinacional de grande porte, daquelas que fabricam de um tudo, como diria o pessoal lá de Minas. Muito bem, uma das fábricas produzia pasta de dentes, isso foi há muitos anos, e estava com um problema que persistia: de quando em quando soltava no mercado uma caixinha sem o produto dentro; a razão era desconhecida, e embora ainda não tivéssemos àquela época nenhum órgão que defendesse os consumidores, e a concorrência fosse insignificante, a empresa decidiu solucionar o problema contratando dois engenheiros, já que as queixas eram constantes.

Os dois técnicos trabalharam por dois meses e gastaram uma fortuna, mas, finalmente, surgiram com uma engenhoca, uma grande máquina que tinha em seu bojo uma balança de alta precisão e que detectava o peso inadequado da caixa vazia. Nesse instante era acionado um mecanismo, que movia uma alavanca, que empurrava para fora da esteira de produção o produto defeituoso.

Muito bem, as reclamações cessaram, e por meses tudo voltou à normalidade. Foi quando, por ocasião da época de manutenção da máquina, surgiram os dois engenheiros acompanhados dos diretores da fábrica. Ao chegar, observaram que a máquina estava desligada e a esteira correndo normalmente. O supervisor foi indagado do motivo de tal desligamento, e meio sem jeito explicou que a máquina já estava desligada havia dois meses.

Como explicar então o saneamento do problema? O que ocorrera? O operário explicou que a máquina era de difícil funcionamento e estava constantemente emperrando, então os próprios funcionários confabularam, fizeram uma “vaquinha”, arrecadando o suficiente para comprar um ventilador potente. Este ficava ao lado da esteira e toda vez que passava uma caixinha leve, era defenestrada imediatamente.

Com certeza, na ocasião em que constataram o problema junto ao mercado, ninguém foi às pessoas que lidavam no dia-a-dia com a produção. Teriam com certeza economizado muito, e perdido menos tempo.

Vejo muito disso em nossa fazenda no interiorzão de Minas. Dada a distância e dificuldades de acesso, o capataz, os peões e a caseira têm que decidir o que fazer e como utilizar o material ali disponível para consertar carros, tratores, máquinas de processamento etc. Fico fascinada, pois gosto muito de mecânica. As soluções são simplistas, pois não poderia ser de outro modo, mas o efeito é incrível.

Vamos aqui entrar com um pouco de autoajuda. Em nossas vidas, topamos sistematicamente com pessoas que nos trazem problemas pessoais de ordem psicológica que, para elas, são monstruosos, mas para nós parecem muito fáceis de resolver, já que estamos afastados de tudo o que fez com que aquele indivíduo chegasse àquele ponto. Muitos estão em tratamento por anos, e, às vezes, uma palavra ou frase soluciona tudo. Já ocorreu comigo, e uma simples sessão de acupuntura resolveu o problema que me afligia havia muito tempo.

É sempre bom deixar o coração e a mente abertos a soluções alternativas.

 postado tambem aqui

 

Noga Sklar

Editor, KBR Editora digital

2 comentários em “Uma solução engenhosa

Deixe você também o seu comentário