A seita

1620MC508Quem está do lado de fora como eu realmente não consegue atinar como muitas pessoas gostam de serem logradas. Tem gente que deixa de alimentar os próprios filhos para engordar as contas bancárias de “pastores” arquimilionários que ameaçam os fiéis com os quintos dos infernos se não contribuírem com o décimo dos céus.

Nós, contribuintes compulsórios, até que ficaríamos satisfeitos com o dízimo — o dobro do que era cobrado no império —, mas não, nossos impostos chegam a até sessenta por cento de nossos rendimentos. Não é de hoje que os números são maquiados para parecerem mais digeríveis ao cidadão. Trabalhei no Instituto de Pesquisas Econômicas como estagiária nos anos 1970 e lá víamos todo o nosso trabalho para calcular o índice de inflação ser jogado no lixo ao abrir os jornais e ver uma cifra completamente diversa da que havíamos encontrado, e que mais se adequavam ao ministro de plantão da época.

Entretanto, hoje, não se trata mais de maquiagem, pois nem toda a base e pó do mundo seriam suficientes para tapar os buracos de nossa economia, é necessária uma cirurgia plástica completa, com lifting, lipo, drenagem e esfoliação incluídos.

A inflação voltou como um dragão de várias cabeças se espalhando à vontade, pois é camuflado pelo próprio governo. Será que sou só eu que estou vendo os preços atingirem a estratosfera?

Daí ainda vêm com essa gracinha de dizer que estão acabando com a miséria. R$ 70,00 por mês?? Só mesmo querendo nos fazer de palhaços. O que não falta são hordas dispostas a tudo pelo que considero hoje uma seita, não mais um partido político, tendo como messias o “cara” com a maior aprovação depois de Hitler, pois há pouco fiquei sabendo que aquela hedionda pessoa durante um período teve aprovação de noventa e dois por cento da população. Ainda temos que nos dar por satisfeitos que nosso reizinho se satisfaz apenas com o vil metal, e muita cachaça para ajudar a esquecer as faces esquálidas, que ele chegou a conhecer de perto. Será que não se arrepende e se condói ao ver o exército de esfarrapados que comanda?

À luz da história sabemos o triste fim que teve aquele ditador. Só o tempo dirá qual será o deste, que hoje zomba da nossa justiça, de nosso sofrido povo que poderia estar bem melhor se não houvesse a corrupção que ele não vê, e da qual não sabe.

Me irrita muito ver como os líderes do ParTidão conseguem convencer gente até de um certo grau de escolaridade a vir a público vaiar uma moça que depois de 20 tentativas frustradas conseguiu, nem se sabe como, um visto para sair de sua ilha para tentar mostrar um pouco da realidade que ali campeia, pois a hora em que permitirem a saída só ficará a cúpula para apagar a luz do aeroporto.

Será que neste lindo país onde pelo menos por ora ainda temos liberdade, não existe um líder capaz de estimular esse gigante adormecido?

 publicado também aqui

 

Noga Sklar

Editor, KBR Editora digital

11 comentários em “A seita

  • 01/03/2013 em 09:55
    Permalink

    Eu me enojo e sinto-me impotente diante de toda essa “roubalheira” , e, a cada fato novo que me deparo, minha indignação se transforma em resignação e tristeza. Até quando mosso “povo” tão sofrido e manipulado vai aguentar? ……….

    Resposta
  • 23/02/2013 em 15:16
    Permalink

    Nao podia deixar de falar algo…sabe Priscila, ‘as vezes nao e’ o lider, mas os liderados que fazem questao de serem enganados…quando penso que trabalhei tambem pelo Fernando Henrique em sua primeira candidatura, nem sei mais qual, o PT ainda era desconhecido, fico pensando…nao e’ de lider que precisamos e sim de conciencia coletiva….sera que um dia acontecera’?….a moca de Cuba, nao tao isolada do mundo, pois seu blog e’ conhecdo mundiamente, sabe bem ate onde pode chegar a liberdade….e a visibilidade….

    Resposta
  • 23/02/2013 em 14:48
    Permalink

    Que texto ao mesmo tempo delicado e contundente! Quanto verdade desnudada com sensibilidade!BRAVOOOOOOOOOO.

    Resposta
  • 23/02/2013 em 13:35
    Permalink

    A verdade é que a politica, de qualquer lado(centro direita, esquerda) todas moedas falsas. Acredito que o grande mal esta na base, no sistema de troca de bens, que gerou o mercantilismo. Porque independente da bandeira o combustível e finalidade é o mesmo: OURO & PODER. Soluções a vista: nenhuma! E como milagres,só na Igreja Católica, então estamos ao DEUS DARA….

    Resposta
  • 23/02/2013 em 11:27
    Permalink

    É incrível como as pessoas não se apercebem do perigo da perda da liberdade. Vade retro! Esses arruaceiros são orquestrados (a revista Veja cantou a pedra na semana passada, antes da chegada da blogueira cubana), e não estão lá para exercer a liberdade de pensamento, mas para intimidar quem pensa diferente.

    Resposta
  • 23/02/2013 em 10:26
    Permalink

    Pois é, amiga Priscila: Mais uma vez você transmite a quem possa interessar, a nossa realidade, com a qual vamos convivendo pacíficamente. Uns e outros, aqui e acolá, tentam também juntar forças para combater o mal a que estamos submetidos. Enquanto isso, vamos aguardando que surja alguém capaz de dar um basta na moléstia que nos aflige!

    Resposta
  • 23/02/2013 em 09:44
    Permalink

    Ando meio por fora, não tinha entendido por que Yoani Sanchéz tinha sido vaiada. Nossa mãe. É a fidelidade a Fidel, of all people. Tô foríssima. Na morte de Chávez vão dar luto oficial de 7 dias (estou falando do Brasil, claro).

    Resposta

Deixe você também o seu comentário